Passagem do Ano… $orte para o ano de 2016

 

A passagem de ano sempre traz consigo uma conotação de recomeço. É tempo de deixar pra trás as tristezas e acreditar que o próximo ano pode ser melhor. Nessa época, as pessoas praticam e levam consigo algumas superstições, cuja origem se perdeu no tempo, mas que continuam propícios para dar uma “mãozinha” na sorte e trazer bons fluídos para 2016.

Quem nunca ouviu da mãe ou da avó dicas para atrair sorte para o ano novo? Muitas dessas superstições envolvem alimentos:

LENTILHA =  DINHEIRO, essa crença vem de uma história bíblica conta que Esaú trocou o seu direito de primogênito por um prato de sopa de lentilhas preparado por seu irmão Jacó, abdicando do direito de suceder o pai como chefe da família, mas obtendo a sorte de tornar-se um homem rico. Com isso a leguminosa acabou virando estrela nas ceias de Réveillon e ganhando a fama que seus grãos, por serem arredondados e
aumentarem de tamanho quando cozidos, trazem dinheiro e riqueza.

Na verdade, os grãos simbolizam a fertilidade e as oportunidades que aparecerão durante o próximo ano, mas não só deles vivem os rituais de final de ano. Existem outros simbolismos bastante curiosos: para garantir prosperidade, deve-se comer sete grãos de uva na virada do dia 31 de Dezembro para 1ºde Janeiro e fazer um talismã com sete sementes dessas uvas, que serão guardados na carteira até o próximo Réveillon, quando estas devem ser substituídas por novas.

Formas arredondadas lembram dinheiro e cores amarelas, ouro. Assim, dizem também ser garantia de fartura incluir na ceia os seguintes ingredientes: romãs, maçãs, azeitonas, castanhas, laranjas, ervilhas, arroz, beterrabas, abóboras e cenouras.

VESTIR BRANCO = Paz e Harmonia

Quem é que nunca se vestiu de branco na virada do ano? A cor representa o desejo de que o ano que chega seja repleto de paz e harmonia. Outras cores como o rosa e o amarelo também são associadas à passagem do ano. Além do simbolismo das cores há ainda os que aliam a isso o uso de

Roupa nova =  Renovação no ano que se inicia. Cores indicadas:

Amarelo = PROSPERIDADE

Vermelho = AMOR

Verde = ESPERANÇA

Rosa = ROMANCE

A decoração também é diferenciada nesta época através da utilização de elementos e cores que transmitam aos clientes votos de positividade.

E para dar sorte:

  • Pular 7 ondas
  • Comer  7 uvas
  • Comer 7 gominhos de romã e por aí vai.

Enfim, são inúmeros os ritos de passagem, porque  fazem parte da cultura brasileira, se os rituais acima funcionam, não sabemos, mas o fato é que sempre fazemos todas as brincadeiras e tradições possíveis. A busca pela felicidade sempre fez parte do inconsciente do ser humano e ela acontece quando acreditamos que tudo pode mudar e trabalhamos para que isso aconteça. O importante é deixar de lado todos os acontecimentos negativos, fechando um  ciclo e recomeçar uma nova etapa.

Feliz Ano Novo!

Por que presentear com Rubis no Natal?

 

BR1030Os Rubis são valiosas pedras da felicidade e fontes da mais pura energia e, desde a antiguidade, uma das mais bonitas e raras pedras preciosas. O nome Rubi vem do Latim rubeu, o que significa “vermelho”.

Os gregos a veneravam como a mãe de todas as pedras preciosas. O Rubi, pensava-se, era o sangue da terra e representava a força do amor e da vida.

É uma excelente dica para presentear no Natal!

Então é Natal…

significado do Natal é o nascimento de Jesus Cristo e sua comemoração anual, que acontece há mais de 1600 anos no dia 25 de dezembro.

Natal se refere a nascimento ou ao local onde alguma pessoa nasceu. Por exemplo, a expressão “cidade natal” indica a cidade onde um determinado indivíduo nasceu. A palavra “natal” significa “do nascimento”.

Origem do Natal

Natal (com inicial maiúscula) é o nome da festa religiosa cristã que celebra o nascimento de Jesus Cristo, a figura central do Cristianismo. O dia de Natal, 25 de dezembro, foi estipulado pela Igreja Católica no ano de 350 através do Papa Julio I, sendo mais tarde oficializado como feriado.

A Bíblia não diz nada sobre o dia exato em que Jesus nasceu e por isso a comemoração do Natal não fazia parte das tradições cristãs no início. O Natal começou a ser celebrado para substituir a festa pagã da Saturnália, que por tradição acontecia entre 17 e 25 de dezembro. A comemoração do Natal em substituição dessa celebração foi uma tentativa de facilitar a aceitação do cristianismo entre os pagãos.

Apesar disso, alguns estudiosos afirmam que Jesus terá nascido em Abril, e que a data foi instituído pela Imperador Romano Constantino para agradar os cristãos.

História do Natal

A história do Natal está descrita na Bíblia, nos evangelhos de Mateus e Lucas. De acordo com a história do Natal descrita na Bíblia, Jesus nasceu em Belém, em um estábulo.

 Significado dos Símbolos de Natal

As comemorações de Natal incluem a presença de diversos símbolos tradicionais como a ceia de Natal, árvore de Natal, o Papai Noel, as músicas, a troca de presentes, o presépio, a iluminação e outras decorações natalinas.

Árvore de Natal

A árvore de Natal é um dos símbolos mais populares, e normalmente é um pinheiro. Há muitas versões sobre a associação da árvore ao Natal. Uma delas é que o formato triangular do pinheiro representaria a Santíssima Trindade. O costume de enfeitar as árvores de Natal surgiu em 1539 em Estrasburgo. Na América Latina, apenas no século XX teve início essa tradição. Atualmente, as árvores são naturais ou artificiais, sendo que estas últimas encontram-se à venda em cores variadas.

Papai Noel

Inspirado na figura de São Nicolau, um bispo do século III, o Papai Noel é responsável por trazer os presentes das crianças no Natal, segundo a tradição.

Estrela de Natal

Simboliza a estrela que guiou os reis magos até o local do nascimento de Jesus, segundo o relato do Evangelho de Mateus, na Bíblia.

Presentes de Natal

Os reis magos deram presentes para Jesus e o bispo Nicolau (que originou Papai Noel) era conhecido por dar presentes. Trocar presentes é uma das tradições de natal mais antigas.

Velas de Natal

Tanto as velas de Natal como as outras iluminações de natal simbolizam Jesus, que afirmou ser “a luz do mundo”.

Em termos gerais, o Natal significa paz, alegria, fraternidade e generosidade. Todas as tradições associadas às comemorações natalinas proporcionam um forte aumento das vendas, constituindo a melhor época para os comerciantes.

Fonte: http://www.significados.com.br Fotos: divulgação internet